Segunda-feira, 21 de Janeiro de 2013
A adolescência

A adolescência, um "problema"por qual todos nós passamos, as vezes nem sempre é fácil passar por esta fase... Cada um tem o seu "ponto de vista" do que é isto ,inclusivamente, eu tenho o meu... Mas cada um passa por isto à sua maneira,neste momento estou em plena adolescencia, e não é fácil de todo passar por ela...Bem, ao menos não a minha...

 

 agora vai aqui um video que fala sobre isto:



publicado por Manu Santos às 09:00
link do post | comentar | favorito

Segunda-feira, 5 de Novembro de 2012
Comédia na guerra






publicado por Manu Santos às 09:00
link do post | comentar | favorito

Segunda-feira, 29 de Outubro de 2012
Consequencias da droga
    

tags: ,

publicado por Manu Santos às 08:54
link do post | comentar | favorito

Sábado, 13 de Outubro de 2012
As drogas

                                             

 

 

Os adolescentes de hoje, como eu, estão mais sujeitos ao contacto com as drogas devido ao ambiente em que estão inseridos, aquelass companhias erradas. A isso, acrescenta-se a frequente ausência dos pais queassim criam condições favoráveis para que os filhos adolescentes se sintam livres para aventuras deste tipo, sem pensar muito nas consequências que isso lhes trará para a vida.

 Nesta fase da vida, afirmamos a nossa personalidade: novas descobertas, novo corpo, explosões de emoção e temperamento contribuem para o surgimento de novos e difíceis problemas e alguns procuram nas drogas uma saída para estes problemas.

 A lei diferencia as drogas lícitas (cigarro, álcool, medicamentos) das ilícitas (cocaína, crack, ecstasy, entre outras). Do ponto de vista médico, porém, esta diferença não existe. E sendo assim, vamo-nos apenas referir às drogas ilícitas pois são as mais perigosas, no entanto, o álcool e o tabaco são temas que irei comentar.

 Os problemas para a saúde dos adolescentes decorrentes do uso/abuso de álcool e outras drogas (ilícitas) são inúmeros e de várias ordens. Podem-se listar desde os de ordem orgânica e funcional de sistemas do corpo até os de ajustamento social, provocados por modificações neuroquímicas que causam prejuízos no controle dos impulsos.

 
Os principais problemas do universo dos adolescentes estão associados à queda do desempenho escolar, dificuldades em aprender, prejuízo no desenvolvimento e estruturação das habilidades cognitivo-comportamentais e emocionais do jovem em questão. Estes vícios podem levar a problemas ainda mais graves que provocam a morte do consumidor seja através de acidentes rodoviários, overdose, etc.
 Por isso, segue comigo o lema “Resistir é Vencer” e não cedas às influências pois só assim podes fugir a estes problemas e às consequências que isto traz. Assim resiste, e tens uma vida saudável.
 

sinto-me:
música: Rihanna- Cry

publicado por Manu Santos às 14:56
link do post | comentar | favorito

Bullying

 

 

 

BULLYING um assunto muito frequente nas escolas portuguesas, mas muitos alunos continuam a ter duvidas sobre como lidar com o bulling, e eu estou aki para ajudar e alertar pais e filhos.

 

O Bullying é um problema com cada vez mais falado em todo o mundo.

 

Estima-se que 1 em cada 4 crianças sofra de Bullying em Portugal...

 

Mas como detectar e lidar com o problema?

 

As crianças que normalmente são vitimas de bullying correspondem a um padrão, que inclui algumas caracteristicas de personalidade ou mesmo fisicas específicas, como:

  • obesidade
  • tiques
  • usar óculos ou aparelho
  • dificuldades de expressão
  • gaguez
  • timidez
  • demasiado extrovertido

De alguma forma, estas crianças fogem aos padrões normativos, o que os torna um alvo de bullying.
Como pai/mãe, deverá estar alerta para algumas destas características, para o caso de surgimento de alguns sinais/sintomas de alerta.

Quais?

Segundo a Psicóloga Clínica, Tânia Praias, especialista na área do Bullying, estes são os principais sinais de alerta:

  • Se o seu filho é alvo de brincadeirasde mau gosto, com frequência;
  • Tem uma ou várias alcunhas “maldosas”;
  • Por vezes, quando a agressão se torna mais persistente, recusa-se a ir à escola, sem existir um motivo, aparentemente;
  • Desaparecem-lhe coisas ou mesmo dinheiro, sem justificação (ou diz que perdeu);
  • Não tem amigos, ou poucos, com as mesmas características (não normativas)
  • Está mais alheado da família do que de costume, mais introvertido;
  • Se está a poiorar os resultados na escola;
  • Tem alterações no humor, abatimento físico e psicológico, sem paciência para nada;
  • É sensível a brincadeiras e reage agressivamente ou chora incontrolavelmente;
  • Se tem queixas físicas permanentes (dor de cabeça, de estômago, cansaço).

 

Desconfio que o meu filho sofre maus tratos, ou é vítima de bullying.

O que fazer?

 

  • Não deve, primeiro que tudo desvalorizar o que aconteceu;
  • Nem faça o seu filho manter-se indiferente às agressões. Isso fará com que se sinta um fracassado, uma vez que a sua auto-estima já está tão destruída.
  • Explique que é natural sentir medo e vergonha, mas que tem que ser capaz de falar sobre o assunto e sobre o que lhe está a acontecer, para que o possam ajudar.
  • Reforce que o seu filho não tem culpa daquilo que aconteceu, já que muitas vezes as vítimas tendem a culpar-se pensando que fizeram algo que provocou a agressão.
  • Tente chamar a atenção dos professores e, se possível, com o acompanhamento do director de turma, marcar uma reunião com os pais do agressor, pedindo-lhes ajuda para a resolução da situação.
  • Tanto a vítima de Bullying como o agressor, deverão ter acompanhamento psicológico.
  • Isto porque, para a vitima existe a necessidade de recuperar a sua auto-estima, livrando-se do trauma que sofreu. Para o agressor, é fácil perceber que um jovem que inflige dor a outro porque sim, não pode estar emocionalmente equilibrado ou porque simplismente "gosta de o ver tao rebaixado" tendo assim um "ar superior" aos outros.

Como pai/mãe, não pode deixar para a escola a competência de vigiar os sintomasdo seu filho.

Até porque a escola não está preparada para lidar com estas situações. Os próprios sindicatos dos professores são os primeiros a dizer que as escolas não actuam devidamente perante situações de bullying e que, muitas vezes, ignoram estes casos.

 

Vigie os comportamentos do seu filho. Ajude o seu filho a combater o bullying!

 Conheçes alguem que seja vitima de bullyinga na tua escola? Então avisa os professores e tenta convençer essa pessoa a procurar AJUDA!

 

 

 

 


sinto-me: Queria tar kntg..
música: S&M- Rihanna

publicado por Manu Santos às 14:28
link do post | comentar | favorito

Segunda-feira, 8 de Outubro de 2012
Regresso às aulas

 Regresso às aulas... um drama (para alguns) tipo para mim (lool)... Ya pessoal vamos voltar à monotonia do dia-a-dia escolar.. Agora estão vocês a perguntarem-se: "dia-a-dia monotono? So se for o teu!!" (risos) Va la malta... vcs perceberam! (perceberam,...certo?)

Oque ha de errado com a escola? (tudo)..

  1. Obrigam-nos a ir as aulas (hahaha isso é oq eles queriam)

  2. Ha stores!!(e muitos...)

  3. Temos que estudar para não tirar negas! (isto so é valido para algumas pessoas...)

  4. TEMOS TPCCCSSS (horrorrrrrr!!!)

  5. é A ESCOLAAAAAA

Va..ja chega de tanto bla bla bla...(bla bla blaaa)

Vão procurar oque fazer!!!!

 

 

 



publicado por Manu Santos às 19:59
link do post | comentar | favorito


.mais sobre mim
.Janeiro 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


.posts recentes

. A adolescência

. Comédia na guerra

. Consequencias da droga

. As drogas

. Bullying

. Regresso às aulas

.arquivos

. Janeiro 2013

. Novembro 2012

. Outubro 2012

.tags

. todas as tags

.links
.pesquisar
 
blogs SAPO
.subscrever feeds